“Os olhos amarelos dos Crocodilos”

OS_OLHOS_AMARELOS_DOS_CROCODILOS_1333140794P

“Os olhos amarelos dos crocodilos”  de Katherine Pancol é um livro feminino…Uma leitura adorável, fácil e envolvente. Daqueles romances que você começa e quer ler até  o final sem descanso.

A história é contada por Joséphine, segunda filha de família de mãe megera que tem preferência explícita pela irmã, que é mais bonita e aparentemente mais inteligente. Ela é o patinho feio, a inteligente desajeitada, que cresce com um problema sério de auto-estima.

Na melhor versão Gata Borralheira, a nossa anti-heroína não se transforma por magia como nos contos de fadas, mas por seu crescimento interior. A história se desenrola com todos os ingredientes de uma boa narrativa: intrigas, romances, contradições, obstáculos e medos a serem superados. 

Torcemos por Josephine até o final com a esperança de que se faça justiça. Recebemos da autora o que desejamos e fechamos o livro feliz….Vai para minha listinha de livros preferidos com**(duas estrelinhas).

 

Anúncios

Leitura tudo de bom!

imagem

Livro pequenino no tamanho e na quantidade de páginas, mas de uma grandeza sem precedentes! “24 horas na vida de uma mulher”, de Stefan Zweig, é isso: leitura gostosa que se faz numa sentadinha no sofá no domingo a tarde.

Além de gostar da novela bem contada por Zweig, me encantei por sua própria história: nasceu em Viena em 1881 e na década de 1920 seus trabalhos literários o tornaram célebre no mundo inteiro. Com a ascensão do nazismo emigrou para a Inglaterra, depois Estados Unidos e, em 1941, mudou-se para o Brasil. Encantou-se e escreveu: Brasil, um país do futuro, (que quero muito ler!!). Desesperançado com o rumo da política europeia e com o futuro da cultura de língua alemã, em 1942 comete suicídio junto com sua mulher, na casa que morava em Petrópolis.Sua carta de despedida é linda, se é que é possível assim classificá-la….

Curiosidade: Freud tinha predileção por este título, que é um dos mais difundidos do autor. Uma delícia que vai para minha listinha com **(duas estrelinhas)!

Operação Cavalo de Tróia

IMG_0775[1]Terminei o 2º livro dos 9 volumes do best-seller mundial Operação Cavalo de Tróia, de J.J.Benítez. Sempre tive enorme curiosidade sobre a vida de Jesus, mas foi só na época do lançamento do último livro do autor que soube que sua obra era sobre fatos e acontecimentos da vida e época do Nazareno. Resolvi adquirir os 2 primeiros volumes no sebo, já que não estão mais nas livrarias.

O autor se coloca como responsável por cumprir uma missão: a de revelar ao mundo os documentos que chegaram a suas mãos. Ele diz ter recebido de um militar e cientista da Força Aérea norte-americana documentos que revelam a execução de uma experiência que lhe permitiu voltar no tempo e ser testemunha dos últimos dias de Jesus Cristo na terra. Essa experiência foi batizada pela NASA de “Operação Cavalo de Tróia” e teria sido realizada em 1973, em Israel. 

Os dois primeiros volumes relatam a viagem do major a bordo de um módulo projetado pela Força Aérea que volta no tempo até a Palestina do ano 30. No primeiro livro ele acompanha os últimos dias da vida de Jesus, Sua crucificação e as primeiras evidências de Sua ressurreição. No segundo, nos apresenta o conteúdo da gravação realizada durante a Última Ceia e relatos da segunda viagem para documentar as aparições de Jesus após Sua ressurreição e conversar com Maria.O primeiro livro tem muitas explicações técnicas sobre o mecanismo utilizado na volta ao tempo, o que me trouxe certa dificuldade em avançar. Esta questão foi ultrapassada após a página 87 e a decisão de ignorar as notas de rodapé. 

Os relatos dos encontros com Jesus são humanos, sensíveis e envolventes. Nos dois livros o leitor é reiteradamente levado a acreditar que as Sagradas Escrituras contêm erros e distorções dos fatos e que a Igreja Católica se distanciou muito da mensagem original de Jesus de Nazaré: a de que viver deve ser uma experiência afetiva e vívida de amor pelos outros, única forma de destruir os prejuízos gerados pela ignorância e que a fé é o caminho para a revelação da verdade e para abrir nossos olhos cegados pelas tradições.

Gostei muito! Não é um livro de gosto comum, mas para quem tem curiosidade sobre o tema ou gosta do gênero ficção. Vai para minha listinha de livros “Tudo de bom”!

Lista de livros que são tudo de bom! Atualizada…

imagesCAPTQEY3

Comentei no post “Para Gostar de Ler”, que meu gosto pela leitura teve início na adolescência. Nesta época não pensava em listar os livros lidos, hábito que só adquiri a partir de 2011, quando aumentei o volume de leitura consideravelmente. Claro que tem gente que lê muito mais, mas isto é o que eu consigo dividindo o tempo entre trabalhar, ser mãe, mulher, fazer ginástica, ler, agora inventei o Blog….e tem mais todo resto…Deus me ajude!!

Em breve publicarei meu Parking Lot – lista de títulos em espera, que aumenta a cada voltinha pela web e livrarias, programinha que amo.

Segue a lista de leituras realizadas em ordem cronológica desde 2011. Coloquei em negrito os que eu mais gostei e acrescentei um * nos que amei e ** nos que amei muito!

2011

Inteligência Multifocal – Augusto Jorge Cury

Os anos perdidos de Jesus – Deepak Chopra

A arte de fazer acontecer – David Allen

Comunicação não violenta – Marshall B. Rosenberg

Os Cem Melhores Poemas Brasileiros do Século – Seleção Ítalo Moriconi

Angústia – Graciliano Ramos

200 Crônicas Escolhidas – as melhores de Rubem Braga

O caçador de pipas – Khaled Hosseini

A Arte Cavalheiresca do Arqueiro Zen – Eugen Herrigel

Proust foi um Neurocientista – Jonah Lehrer

A Cabana – William P. Young

A Parisiense – Inês de La Fressange

Pequena abelha – Chris Cleave

O Livreiro de Cabul – Asne Seierstad

Orgulho e Preconceito – Jane Austen *

O tempo entre costuras – María Dueñas *

Lolita – Vladimir Nabokov **

O Complexo de Portnoy – Philip Roth *

O Apanhador no Campo de Centeio – J.D. Salinger *

Paixão Índia – Javier Moro **

O sári vermelho – Javier Moro **

O Homem que não amava as Mulheres – Stieg Larsson **

 2012

A Menina que Brincava com Fogo- Stieg Larsson **

A Rainha do Castelo de Ar- Stieg Larsson **

A Ilha Sob o Mar- Isabel Allende *

Um Dia- David Nicholls

Cinco Dias em Paris- Danielle Steel

O império é você – Javier Moro **

Lulismo- Tales Ab’Saber *

Raízes do Brasil – Sérgio Buarque de Holanda

Médico de Homens e de Almas – Taylor Caldwell **

Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil – Leandro Narloch

O Grande Amigo de Deus- Taylor Caldwell

Infiel – Ayaan Hirsi Ali

Traduzindo Hannah- Ronaldo Wrobel

Todos os Nomes – José Saramago

O Físico – Noah Gordon **

A elegância do Ouriço – Muriel Barbery **

A solidão dos números primos – Paolo Giordano

Sobrevivi para contar – Immaculée Ilibagiza com Steve Erwin

O Tigre Branco – Aravind Adiga **

Os diários de pedra – Carol Shields

O último cabalista de Lisboa – Richard Zimler

O último judeu – Noah Gordon **

Dentes Brancos – Zadie Smith

As Memórias do Livro – Geraldine Brooks

Homem Comum – Philip Roth

Lebre com Olhos de âmbar – Edmund de Waal **

Queda de Gigantes – Ken Follet **

Inverno do Mundo – Ken Follet **

A Cidade do Sol – Khaled Hosseini *

Paris é uma festa – Ernest Hemingway

Catarina, a Grande – Robert K. Massie **

Paris toujours Paris um roteiro de vida – Jacques Lagôa *

2013

As aventuras de PI – Yann Martel

A Melhor história está por vir – Maria Duenas

Operação Cavalo de TroiaJ.J.Benítez

Os Pilares da Terra I – Ken Follet **

Os Pilares da Terra II – Ken Follet **

Operação Cavalo de Troia 2 J.J.Benítez **

24 horas na vida de uma mulher – Stefan Zweig **

Os olhos amarelos dos Crocodilos – Katherine Pancol **

A flor do Taiti – Célestine Hitiura Vaite **

Nihonjin– Oscar Nakasato **

Ensaio sobre a cegueira – José Saramago **

Cavalo de Troia 3 – J.J. Benítez 

A Questão Finkler – Howard Jacobson – em andamento

Para Gostar de Ler

ImagemPGLer

Se não me falhe a memória (coisa bem comum de uns tempos para cá), comecei a me apaixonar por leitura na adolescência, estimulada pelo meu professor Carlihos, de Língua Portuguesa e minha querida e amada tia Leontina, também professora da matéria.

O Carlnhos estipulou o que vou chamar de “momento de leitura”, dentro da grade de suas aulas. O método era simples: ele levava uma pequena coleção de livros dentro de uma caixa de papelão e nós escolhíamos o título que mais nos agradava.

Nesta época conheci a coleção “Para Gostar de Ler”. Lembro até hoje do volume I que tinha um pintinho na capa e crônicas divertidíssimas de Carlos Drummond de Andrade, Fernando Sabino, Rubem Braga e Paulo Mendes Campos.

Só alguns dias atrás me lembrei de consultar o “oráculo” Google e tive a grata surpresa de ver todos os livros da coleção que li na época. Repaginados, novinhos em folha, os antiguinhos nas estantes dos sebos online, além de e-books e audiobooks. 

Resolvi adquirir e apresentar esta pérola para meu filho de 10 anos, que ama sentar-se e ouvir histórias, mas que tem uma preguiça do tamanho do mundo para ler sozinho. Ups, exceto o gibi da Turma da Mônica Jovem que o Mauricio de Souza consegue que eles gostem até em preto e branco…fantástico!

Se quiser consultar o site da Editora Ática visite: www.atica.com.br e divirta-se! Encontrei 41 titulos da coleção. É ou não é tudo de bom.com?